Avaliações finais sobre o PNE 2001-2010 e preliminares do PNE 2014-2024

Donaldo Bello de Souza

Resumo


O presente artigo visa a discutir os resultados de algumas avaliações acadêmicas sobre a implantação do Plano Nacional de Educação (PNE) 2001-2010, assinalando aspectos de seu processo de elaboração e aprovação e das análises a respeito do plano sancionado, que apontam para avaliações preliminares do PNE 2014-2024. Tomando por base a revisão da literatura, conclui-se não haver consenso sobre o êxito daquele primeiro PNE, quer entre os estudos de maior abrangência analítica, quer entre esses e as avaliações que enfocam o exame das decisões relativas a determinadas etapas e modalidades da educação básica, essas consensualmente negativas em termos de resultados, impactos ou efeitos observados. Comparativamente ao primeiro plano, ressalta-se, ainda, que a literatura que versa acerca do novo PNE sugere estar mais atenta ao monitoramento do seu desenvolvimento inicial e futuro.


Palavras-chave


Plano Nacional de Educação; Metas Educacionais; Avaliação de Políticas Públicas; Gestão Democrática da Educação

Texto completo:

PDF

Referências


ABICALIL, Carlos Augusto. Plano Nacional de Educação na República Federativa do Brasil: instrumento de retórica ou política pública para a realização do direito à Educação Básica? Brasília, DF, 2005. 185 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade de Brasília.

_____. PNE: limites e desafios; uma avaliação necessária. Brasília, DF: Câmara dos Deputados, 2007.

AGUIAR, Márcia Ângela da Silva. Avaliação do Plano Nacional de Educação 2001-2009: questões para reflexão. Educação & Sociedade, Campinas, v. 31, n. 112, p. 707-727, jul./set. 2010.

AMARAL, Nelson Cardoso. Financiamento da educação básica e o PNE 2011-2020. Retrato de Escola, Brasília, DF, v. 4, n. 6, p. 123-141, jan./jul. 2010.

ARAUJO, Gilda Cardoso de. Constituição, federação e propostas para o novo plano nacional de educação: análise das propostas de organização nacional da educação brasileira a partir do regime de colaboração. Educação & Sociedade, Campinas, v. 31, n. 112, p. 749-768, jul./set. 2010.

ARAÚJO, Regina Magna Bonifácio de. A educação infantil e o Plano Nacional de Educação. In: TEIXEIRA, Lúcia Helena Gonçalves. (Org.). LDB e PNE: desdobramentos na política educacional brasileira. São Bernardo do Campo: Unesp, 2002. p. 55-66 (Cadernos Anpae, 1).

ARRETCHE, Martha. Federalismo e relações intergovernamentais no Brasil: a reforma de programas sociais. Dados: Revista de Ciências Sociais, Rio de Janeiro, v. 45, n. 3, p. 431-458, 2002a.

_____. Relações federativas nas políticas sociais. Educação & Sociedade, Campinas, v. 23, n. 80, p. 25-48, set. 2002b.

AZANHA, José Mário Pires. Planos e políticas de educação no Brasil: alguns pontos para reflexão. In: BARROS, Roque Spencer Maciel et al. 2. ed. Estrutura e funcionamento da educação básica. São Paulo: Pioneira, 1998, p. 102-123.

_____. Política e planos de educação no Brasil: alguns pontos para reflexão. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n. 85, p. 70-78, maio, 1993.

AZEVEDO, Neroaldo Pontes de. Política e gestão na educação municipal. In: CONFERÊNCIA NACIONAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO, 1, 2001, Brasília, DF. Anais... Brasília, DF: Câmara dos Deputados/Coordenações de Publicações, 2001b. p. 71-74.

BARRETO, Ângela Maria Rabelo Ferreira. A educação infantil no contexto das políticas públicas. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 8, n. 24, p. 53-65, set./dez. 2003.

BARROSO, João. Introdução: a investigação sobre a regulação das políticas públicas de educação em Portugal. In: _____. (Org.). O Estado e a educação: a regulação transnacional, a regulação nacional e a regulação local. Lisboa: Educa, 2006, p. 41-70.

BONAMINO, Alicia; FRANCO, Creso; SOUSA, Sandra Zákia; MAIA, Maurício. Avaliação de políticas educacionais. In: Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Pradime: Programa de Apoio aos Dirigentes Municipais de Educa. Brasília, DF: MEC.SEB, 2006, p. 133-176 (Caderno de Textos, 1).

BONNIOL, Jean-Jacques; VIAL, Michel. Modelos de avaliação: textos fundamentais. Porto Alegre: Artmed, 2001

BORDIGNON, Genuíno. Caminhar da educação brasileira: muitos planos, pouco planejamento. In: SOUZA, Donaldo Bello de; MARTINS, Ângela Maria (Orgs.). Planos de educação no Brasil: planejamentos, políticas, práticas. São Paulo: Loyola, 2014, p. 29-54.

BRANDÃO, Carlos da Fonseca. O ensino médio no contexto do Plano Nacional de Educação: o que ainda precisa ser feito. Cadernos CEDES, Campinas, v. 31, n. 84, p. 195-208, maio/ago. 2011.

_____. PNE passo a passo (Lei nº 10.172/2001): discussão dos objetivos e metas do Plano Nacional de Educação. São Paulo: Avercamp, 2006.

BRASIL. Câmara dos Deputados. Comissão de Educação e Cultura. Avaliação do PNE 2004-2006: avaliação do cumprimento das metas do Plano Nacional de Educação (PNE). Brasília, DF: Centro de Documentação e Informação, Edições Câmara, 2011 (Série Ação Parlamentar, 351).

_____. Avaliação técnica do Plano Nacional de Educação. Brasília, DF, Câmara dos Deputados; Coordenação de Publicações, 2004 (Série Ação Parlamentar, 294).

BRASIL. Câmara dos Deputados. Projeto de Lei nº 103, de 25 de outubro de 2012, (Projeto de Lei nº 8.035, de 2010, na Casa de origem), de iniciativa da Presidência da República. Aprova o Plano Nacional de Educação – PNE e dá outras providências. Brasília, DF: Congresso Nacional, 2012.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Portaria CNE/CP nº 10, de 6 de agosto de 2009. Indicações para subsidiar a construção do Plano Nacional de Educação 2011-2020. Brasília, DF: CNE/CP, 2009.

BRASIL. Constituição [de 1988] da República Federativa do Brasil. Diário Oficial da União [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 5 out. 1988.

BRASIL. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Diretoria de Pesquisas. Coordenação de População e Indicadores Sociais. Perfil dos municípios brasileiros 2011 [Pesquisa de Informações Básicas Municipais]. Rio de Janeiro: IBGE, 2012.

BRASIL. Lei n. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Diário Oficial da União [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 23 dez. 1996b.

_____. Lei nº 10.172, de 09 de janeiro de 2001. Aprova o Plano Nacional de Educação (PNE). Diário Oficial da União [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 10 jan. 2001.

_____. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação – PNE e dá outras providências. Diário Oficial da União [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 26 jun. 2014.

_____. Lei nº 9.131, de 24 de novembro de 1995. Altera dispositivos da Lei nº 4.024, de 20 de dezembro de 1961, e dá outras providências. Diário Oficial da União [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 25 nov. 1995.

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Plano Decenal de Educação Para Todos. Brasília, DF: MEC, 1993.

BRASIL. Ministério da Educação. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Avaliação do Plano Nacional de Educação 2001-2008: níveis de ensino. v. 1, Brasília, DF: MEC/INEP, 2009a.

_____. Avaliação do Plano Nacional de Educação 2001-2008: modalidades de ensino. v. 2, Brasília, DF: MEC/INEP, 2009b.

_____. Avaliação do Plano Nacional de Educação 2001-2008: magistério da educação básica e financiamento e gestão educacional, v. 3, Brasília, DF: MEC/INEP, 2009c.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria Executiva. Conferência Nacional de Educação 2010 – Construindo o sistema nacional articulado de educação: o plano nacional de educação, diretrizes e estratégias de ação. Documento Final. Brasília, DF: MEC, 2010.

BRASIL. Projeto de Lei do Plano Nacional de Educação (PNE 2011-2020): Projeto em tramitação no Congresso Nacional – PL nº 8.035/2010. Brasília, DF: Câmara dos Deputados, Edições Câmara, 2011 (Série Ação Parlamentar, 436).

_____. Projeto de Lei nº 4.155, de 10 de fevereiro de 1988. Aprova o Plano Nacional de Educação [Proposta da Sociedade Brasileira]. Diário da Câmara dos Deputados, Brasília, DF, v. 53, n. 42, 12 mar. 1998a.

_____. Projeto de Lei nº 4.173, de 11 de fevereiro de 1998. Institui o Plano Nacional de Educação [Proposta do Poder Executivo ao Congresso Nacional apensada ao PL 4.155/1998]. Brasília, DF: Câmara dos Deputados, 13 fev. 1998b.

BRITO, Vera Lúcia Alves de. O Plano Nacional de Educação e o ingresso dos profissionais do magistério da educação básica. Educação & Sociedade, Campinas, v. 34, n. 125, p. 1251-1267, out./dez. 2013.

CALDERÓN, Adolfo Ignacio; BORGES, Regilson Maciel. Construção dos planos nacionais de educação no Brasil: os grupos de articulação de interesses em ação. In: SOUZA, Donaldo Bello de; MARTINS, Ângela Maria (Orgs.). Planos de educação no Brasil: planejamentos, políticas, práticas. São Paulo: Loyola, 2014, p. 99-123.

CERQUEIRA, Nádia Dorian Souza de. Valorização do magistério: contradições entre os anúncios de políticas Governamentais e as medidas efetivadas para a melhoria do trabalho docente no período de 1993-2003 no Município de Alagoinhas-Bahia. Salvador, 2008. 76 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Federal da Bahia.

CORREIA, José Alberto. Paradigmas e cognições no campo da administração educacional: das políticas de avaliação à avaliação como política. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 15, n. 45, p. 456-592, set./dez. 2010.

CURY, Carlos Roberto Jamil. O Plano Nacional de Educação: duas formulações. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 28, n. 104, p. 162-180, jul. 1998.

_____. Por um Plano Nacional de Educação: nacional, federativo, democrático e efetivo. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, Porto Alegre, v. 25, n. 1, p. 13-30, 2009.

DAVIES, Nicholas. A Conferência Nacional de Educação (Conae) e suas fragilidades. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, n. 39, p. 321-345, set. 2010.

_____. Fragilidades e desafios do financiamento em planos de educação: 10% do PIB são a salvação? In: SOUZA, Donaldo Bello de; MARTINS, Ângela Maria (Orgs.). Planos de educação no Brasil: planejamentos, políticas, práticas. São Paulo: Loyola, 2014, p. 183-205.

_____. Plano Nacional de Educação: muito discurso, nenhum recurso. Universidade e Sociedade, São Paulo, v. 11, n. 25, p. 29-39, dez. 2001.

_____. Plano Nacional de Educação: muito discurso, nenhum recurso. In: TEIXEIRA, Lúcia Helena G. (Org.). LDB e PNE: desdobramentos na política educacional brasileira. São Bernardo do Campo: Unesp, 2002, p. 117-143 (Cadernos Anpae, 1).

DI PIERRO, Maria Clara. A educação de jovens e adultos no plano nacional de educação: avaliação, desafios e perspectivas. Educação & Sociedade, Campinas, v. 31, n. 112, p. 939-959, jul./set. 2010.

DIDONET, Vital. A educação infantil no Plano Nacional de Educação. Amae Educando, Belo Horizonte, v. 36, n. 316, p. 6-10, 2003.

_____. O Plano Nacional de Educação e os planos estaduais e municipais: uma conquista histórica. Gestão em Rede, Curitiba, n. 33, p. 14-19, nov./dez. 2001.

_____. Plano Nacional de Educação (PNE). Brasília, DF: Plano, 2000.

DOURADO, Luiz Fernandes (Org.). Plano nacional de educação (2011-2020): avaliação e perspectivas. Goiânia: Ed.UFG; Belo Horizonte: Autêntica, 2011.

_____. Avaliação do Plano Nacional de Educação 2001-2009: questões estruturais e conjunturais de uma política. Educação & Sociedade, Campinas, v. 31, n. 112, p. 677-705, jul./set. 2010.

_____. Plano Nacional de Educação: avaliações e retomada do protagonismo da sociedade civil organizada na luta pela educação. In: FERREIRA, Naura S. Carapeto (Org.). Políticas públicas e gestão da educação: polêmicas, fundamentos e análises. Brasília, DF: Liber Livro, 2006, p. 21-50.

DRAIBE, Sônia Miriam. Avaliação de implementação: esboço de uma metodologia de trabalho em políticas públicas. In: BARREIRA, Maria Cecília Roxo Nobre; CARVALHO, Maria do Carmo Brant de. (Orgs.). Tendências e perspectivas na avaliação de políticas e programas sociais. São Paulo: IEE/PUC-SP, 2001, p. 13-42.

DUARTE, Marisa Ribeiro Teixeira; SANTOS, Maria Rosimary Soares. Educação e desenvolvimento: planejamento de ações governamentais e novos modos de regulação social? In: SOUZA, Donaldo Bello de; MARTINS, Ângela Maria (Orgs.). Planos de educação no Brasil: planejamentos, políticas, práticas. São Paulo: Loyola, 2014, p. 73-98.

FARIA, Carlos Aurélio Pimenta de. A política da avaliação de políticas públicas. Revista Brasileira de Ciências Sociais, São Paulo, v. 20, n. 59, p. 97-109, out. 2005.

FERNANDES, Maria Dilnéia Espíndola; BRITO, Silvia Helena Andrade de; PERONI, Vera Maria Vidal. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, DF, v. 93, n. 235, p. 565-578, set./dez. 2012.

FIGUEIREDO, Marcus Faria; FIGUEIREDO, Argelina Maria Cheibub. Avaliação política e avaliação de políticas: um quadro de referência teórica. Análise & Conjuntura, Belo Horizonte, v. 1, n. 3, p. 107-127, set./dez. 1986.

FÓRUM Nacional em Defesa da Escola Pública. Plano Nacional de Educação: proposta da sociedade brasileira [Consolidado na plenária de encerramento do II CONED]. In: CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO, 2., 1997, Belo Horizonte, nov. 1997.

GANZELI, Pedro. Plano nacional de educação no Brasil: reflexos sobre o regime de colaboração. In: CONGRESSO IBERO-AMERICANO DE POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO DA EDUCAÇÃO, 3., 2012, Zaragoza, Espanha. Anais... Recife: ANPAE, 2012a.

GANZELI, Pedro. Plano nacional de educação: implicações para a educação infantil. Revista Exitus, Belém, v. 2, n. 2, p. 77-102, jul./dez. 2012b.

HORTA, José Silvério Baia. Liberalismo, tecnocracia e planejamento educacional no Brasil. São Paulo: Cortez; Campinas: Autores Associados, 1982.

_____. Plano Nacional de Educação: da tecnocracia à participação democrática. In: CURY, Carlos Roberto Jamil. Medo à liberdade e compromisso democrático: LDB e Plano Nacional de Educação. São Paulo: Pioneira, 1997, p. 137-206.

KIPNIS, Bernardo; ALGARTE, Roberto. Planejamento e avaliação educacionais. In: WITTMANN, Lauro Carlos; GRACINDO, Regina Vinhaes (Coords.). O estado da arte em política e gestão da educação no Brasil 1991-1997. Campinas: Autores Associados; São Paulo: Anpae, 2001, p. 151-171.

KUENZER, Acácia Zeneida. O ensino médio no Plano Nacional de Educação 2011-2020: superando a década perdida? Educação & Sociedade, Campinas, v. 31, n. 112, p. 851-873, jul./set. 2010.

KUENZER, Acácia; CALAZANS, Maria Julieta; GARCIA, Walter. Planejamento e educação no Brasil. 6. ed. São Paulo: Cortes, 2003 (Coleção Questões da Nossa Época, 21).

MARTINS, Paulo de Sena. Fundeb, federalismo e regime de colaboração. Campinas: Autores Associados; Brasília, DF: Ed.UnB, 2011.

_____. Planejamento e plano nacional de educação. Cadernos Aslegis, Brasília, DF, n. 39, p. 91-118, jan./abr. 2012.

MENDONÇA, Erasto Fortes. Plano Nacional de Educação: desdobramentos na política nacional. In: TEIXEIRA, Lúcia Helena G. (Org.). LDB e PNE: desdobramentos na política educacional brasileira. São Bernardo do Campo: UMESP, 2002. p. 13-54. (Cadernos Anpae, 1).

MONLEVADE, João Antônio Cabral de. Avaliação e perspectivas do financiamento da educação pública no Brasil. In: CONFERÊNCIA NACIONAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO, 1, 2001, Brasília, DF. Anais... Brasília, DF: Câmara dos Deputados / Coordenações de Publicações, 2001, p. 43-48.

OLIVEIRA JÚNIOR, Lourival Batista de; BERALDO, Antonio Fernando. Vetar é preciso, educar não é preciso: os vetos presidenciais ao Plano Nacional de Educação. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, Piracicaba, v. 19, n. 1, p. 55-80, 2003.

OLIVEIRA, Dalila Andrade de; ARAÚJO, Heleno. Educação entre os planos de governo e as políticas de Estado: o foco no financiamento e a questão docente. In: SOUZA, Donaldo Bello de; MARTINS, Ângela Maria (Orgs.). Planos de educação no Brasil: planejamentos, políticas, práticas. São Paulo: Loyola, 2014, p. 167-182.

OLIVEIRA, João Ferreira de. A educação básica e o PNE/2011-2020: políticas de avaliação democrática. Revista Retratos da Escola, Brasília, DF, v. 4, n. 6, p. 91-108, jan./jun. 2010.

OLIVEIRA, Romualdo Portela de. O Plano Nacional de Educação: algumas questões para debate. Jornal de Políticas Educacionais, Curitiba, n. 9, p. 3-10, jan./jun. 2011.

OLIVEIRA, Rosimar de Fátima. O papel do Poder Legislativo na formulação das políticas educacionais. São Paulo, 2005, 262 f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo.

_____. O papel do poder legislativo na formulação das políticas sobre financiamento da educação. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, Porto Alegre, v. 24, n. 2, p. 235-247, mai./ago. 2008.

_____. Revisando os mecanismos de formulação do Plano Nacional de Educação: considerações sobre o processo decisório. In: REUNIÃO ANUAL DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM EDUCAÇÃO, 32., 2009, Caxambu. Anais... Rio de Janeiro: ANPEd, 2009.

PERONI, Vera Maria Vidal. Política educacional e papel do estado no Brasil dos anos 1990. São Paulo: Xamã, 2003.

PERONI, Vera Maria Vidal; FLORES, Maria Luiza Rodrigues. Sistema nacional, plano nacional e gestão democrática da educação no Brasil: articulações e tensões. In: SOUZA, Donaldo Bello de; MARTINS, Ângela Maria (Orgs.). Planos de educação no Brasil: planejamentos, políticas, práticas. São Paulo: Loyola, 2014, p. 147-166.

PINTO, José Marcelino de Rezende. Financiamento do ensino médio no Brasil: uma abordagem inicial. Trabalho, Educação e Saúde, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 135-152, mar. 2004.

PINTO, José Marcelino de Rezende; AMARAL, Nelson Cardoso; CASTRO, Jorge Abrahão de. O financiamento do ensino médio no Brasil: de uma escola boa para poucos à massificação barata da rede pública. Educação & Sociedade, Campinas, v. 32, n. 116, p. 639-665, jul./set. 2011.

RIBEIRO, Maria Luísa Santos. História da educação brasileira: a organização escolar. 14. ed. Campinas: Autores Associados, 1995.

SAVIANI, Dermeval. Organização da educação nacional: Sistema e Conselho Nacional de Educação, Plano e Fórum Nacional de Educação. Educação & Sociedade, Campinas, v. 31, n. 112, p. 769-787, jul./set. 2010a.

_____. Sistema nacional de educação articulado ao Plano Nacional de Educação. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 15, n. 44, p. 380-412, maio/ago. 2010b.

SGUISSARDI, Valdemar. Prefácio. In: BRANDÃO, Carlos da Fonseca. PNE passo a passo (Lei nº 10.172/2001): discussão dos objetivos e metas do Plano Nacional de Educação. São Paulo: Avercamp, 2006, p. 13-16.

SILVA JR. João dos Reis. Reforma do estado e da educação no Brasil de FHC. São Paulo: Xamã, 2002.

SILVA, Fernando Mariano da; MONLEVADE, João Antonio Cabral de; QUEIROZ, José Edmar de; BRITTO Tatiana Feitosa de. O Plano Nacional de Educação no Senado: estágio atual. Brasília, DF: Senado Federal, Núcleo de Estudos e Pesquisas da Consultoria Legislativa, nov. 2013 (Textos para Discussão, 143).

SOUZA, Donaldo Bello de; DUARTE, Marisa Ribeiro Teixeira. Planos de educação no Brasil: projeções do sistema nacional de educação e suas variantes subnacionais. In: SOUZA, Donaldo Bello de; MARTINS, Ângela Maria (Orgs.). Planos de educação no Brasil: planejamentos, políticas, práticas. São Paulo: Loyola, 2014, p. 209-232.

SOUZA, Donaldo Bello de; MENEZES, Janaína Specht da Silva. Estudo crítico-exploratório sobre os Planos Estaduais de Educação (PEEs) no Brasil: contribuições para formulações e reformulações decorrentes do novo Plano Nacional de Educação (PNE) – Relatório de pesquisa. Rio de Janeiro: Nephem/Uerj; Neephi/Unirio, jun. 2014.

SOUZA, Donaldo Bello de; SOUSA, Gustavo José Albino de. Planos nacionais, estaduais e municipais de educação no Brasil: balanço quali-quantitativo sobre a literatura acadêmica (1996-2010). Agenda Social, Campos dos Goytacases, v. 6, p. 50-70, 2012.

TEIXEIRA, Beatriz de Bastos. Ensino médio: perspectivas e limites contidos no PNE. In: TEIXEIRA, Lúcia Helena Gonçalves (Org.). LDB e PNE: desdobramentos na política educacional brasileira. São Bernardo do Campo: UNESP, 2002a, p. 83-91 (Cadernos Anpae, 1).

_____. O ensino fundamental no Plano Nacional de Educação. In: TEIXEIRA, Lúcia Helena Gonçalves (Org.). LDB e PNE: desdobramentos na política educacional brasileira. São Bernardo do Campo: UNESP, 2002b, p. 67-82 (Cadernos Anpae, 1).

_____. Plano nacional de educação impõe PCNs às escolas. In: CAVALCANTE, Antônia Lúcia; PEREIRA, Jules Rodrigues; LIMA, Maria José Rocha. Plano nacional de educação: algumas considerações. Brasília, DF: Núcleo de educação, Cultura, Desporto, Ciência & Tecnologia da Bancada do Partido dos Trabalhadores na Câmara dos Deputados, 2000.

VALENTE, Ivan. Plano Nacional de Educação. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.

VALENTE, Ivan; ROMANO, Roberto. PNE: Plano Nacional de Educação ou carta de intenções? Educação & Sociedade, Campinas, v. 23, n. 80, p. 96-107, set. 2002.

VIEIRA, Lívia Maria Fraga. A educação infantil e o Plano Nacional de Educação: as propostas da CONAE 2010. Educação & Sociedade, Campinas, v. 31, n. 112, p. 809-8031, jul./set. 2010.

VIEIRA, Sofia Lerche. Desejo de reforma: legislação educacional no Brasil Império e República. Brasília, DF, Liber Livro, 2008.

_____. Planos e políticas educacionais: das concepções às práticas no Brasil. In: SOUZA, Donaldo Bello de; MARTINS, Ângela Maria (Orgs.). Planos de educação no Brasil: planejamentos, políticas, práticas. São Paulo: Loyola, 2014, p. 55-72.

_____. Política educacional em tempos de transição (1985-1995). Brasília: Plano, 2000.

VIEIRA, Sofia Lerche; ALBUQUERQUE, Maria Glaucia Menezes. Política e planejamento educacional. Fortaleza: Edições Demócrito Rocha, 2001.

VIEIRA, Sofia Lerche; FARIAS, Isabel Maria Sabino de. Política educacional no Brasil: introdução histórica. Brasília, DF: Líber Livro, 2007.




DOI: http://dx.doi.org/10.18222/eae255920143001

Apontamentos

  • Não há apontamentos.