Avaliação da aprendizagem: o portfólio como auxiliar na construção de um profissional reflexivo

Autores

  • Fátima Maria de Freitas Albertino
  • Nadia Aparecida de Souza

DOI:

https://doi.org/10.18222/eae02920042164

Palavras-chave:

Avaliação Da Aprendizagem, Ensino Superior, Concepção E Ação Docente, Portfólio

Resumo

O presente trabalho teve como preocupação superar práticas avaliativas que pouco contribuem para a formação do profissional de enfermagem comprometido com o desvelamento, reflexão e superação das dificuldades do cotidiano de trabalho. Assim, houve necessidade de melhor compreender como uma nova prática avaliativa altera uma concepção anterior e interfere na formação do futuro profissional. Para tanto, desenvolveu-se estudo qualitativo, envolvendo 21 alunos da disciplina Administração da Assistência de Enfermagem. A coleta de dados “utilizou” diferentes instrumentos: representação simbólica, questionários, portfólio, fichas de análise de desempenho, observação direta do cotidiano e grupos de discussão para análise dos aspectos a serem aperfeiçoados no desempenho profissional. As análises evidenciaram que a avaliação como processo gerou maior comprometimento com a reflexão sobre a prática e o aperfeiçoamento do processo de trabalho e com a superação das questões emersas do cotidiano. Pelos resultados obtidos é possível afirmar que o medo progressivamente desaparece quando a avaliação efetivada prioriza o processo e não apenas o produto, que a avaliação como processo é fator importante na relação entre o ensino e a aprendizagem e que a relação horizontal entre professor e aluno contribuiu para a formação de um profissional instrumentalizado criticamente para a tomada de decisões.

Biografia do Autor

Fátima Maria de Freitas Albertino

Nadia Aparecida de Souza

Downloads

Publicado

30-06-2004

Edição

Seção

Artigos