Políticas de accountability na educação estadual do Ceará, Pernambuco e Paraíba

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18222/eae.v33.9562

Palavras-chave:

Accountability, Avaliação externa, Gerencialismo

Resumo

O texto analisa as políticas de accountability implantadas nas redes estaduais de ensino do Ceará, Pernambuco e Paraíba. Examina suas disposições e como articulam os pilares da avaliação externa, prestação de contas e responsabilização, distinguindo os desenhos das políticas de accountability em formas parcelares, de modelos e de sistemas. O estudo é de natureza qualitativa, de caráter descritivo e explicativo e utilizou como procedimentos revisão bibliográfica e análise de documentos de política educacional. Como resultado averiguou-se que os estados adotam políticas de “alta responsabilização”, em diferentes estágios de complexidade, revelando modelos e sistema de accountability com o uso de ferramentas do modelo gerencial orientado por resultados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andréia Ferreira da Silva, Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Campina Grande-PB, Brasil

Doutora em Educação pela Universidade Federal Fluminense (UFF) (2004). Pós-doutora pela Faculdade de Educação/Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Professora Associada da UFCG e docente permanente do PPGEd/UFCG, Campina Grande/PB, Brasil.  Coordenadora do Grupo de Estudos em Política e Gestão Educacional, que integra o Laboratório de Pesquisa em Políticas Educacionais da UFCG (LEPPE/UFCG).

Luciana Leandro da Silva, Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Campina Grande-PB, Brasil

Professora da Unidade Acadêmica de Educação da Universidade Federal de Campina Grande (PB) e membro do Laboratório de Estudos e Pesquisas em Políticas Educacionais (LEPPE) e do Centro de Estudos em Políticas Educativas (CEPE). Possui  Doutorado em Educação pela Universidade Autônoma de Barcelona (UAB 2014). Realizou pós-doutorado na Universidade Federal de Pelotas (UFPel), junto ao Grupo de Pesquisa Gestão, Currículo e Políticas Educativas.

Arlane Markely dos Santos Freire, Secretaria Municipal de Educação – Prefeitura de Crato, Crato-CE, Brasil

Mestra em Educação pelo Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade Federal de Campina Grande/PB (UFCG).Professora da rede pública do Município de Crato-CE.Membro do Grupo de Pesquisa em Política e Gestão Educacional do Laboratório de Pesquisa em Política Educacional (LEPPE) da UFCG. Vice diretora estadual da Associação Nacional de Política e Administração da Educação (ANPAE), seção Ceará, mandato 2021-2023.  

Referências

AFONSO, Almerindo Janela. Avaliação educacional: regulação e emancipação – por uma sociologia das políticas avaliativas contemporâneas. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2009a.

AFONSO, Almerindo Janela. Nem tudo o que conta em educação é mensurável ou comparável: crítica à accountability baseada em testes estandardizados e rankings escolares. Revista Lusófona de Educação, Lisboa, n. 13, p. 13-29, 2009b. Disponível em: https://revistas.ulusofona.pt/index.php/ rleducacao/article/view/545. Acesso em: 10 abr. 2020.

AFONSO, Almerindo Janela. Políticas avaliativas e accountability em educação: subsídios para um debate ibero-americano. Sísifo: Revista de Ciências da Educação, Lisboa, n. 9, p. 57-69, maio/ ago. 2009c. Disponível em: http://sisifo.ie.ulisboa.pt/index.php/sisifo/article/view/148. Acesso em: 10 dez. 2019.

AFONSO, Almerindo Janela. Um olhar sociológico em torno da accountability em educação. In: ESTEBAN, Maria Teresa; AFONSO, Almerindo Janela (org.). Olhares e interfaces: reflexões críticas sobre a avaliação. São Paulo: Cortez, 2010. p. 147-170.

AFONSO, Almerindo Janela. Questões, objetos e perspectivas em avaliação. Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior, Campinas; Sorocaba, SP, v. 19, n. 2, p. 487-507, jul. 2014. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/aval/v19n2/a13v19n2.pdf. Acesso em: 18 fev. 2020.

ARAÚJO, Karlane H. Os efeitos do Prêmio Escola Nota Dez nos processos pedagógicos das escolas premiadas de Sobral e das apoiadas de Caucaia no ano de 2009. 2016. 185 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.

AUGUSTO, Philipe. Com os melhores resultados na história, 182 municípios recebem Prêmio Escola Nota Dez. Secretaria da Educação – SEDUC, Fortaleza, 6 jun. 2019. Disponível em: https://www.seduc.ce.gov.br/2019/06/06/com-os-melhores-resultados-na-historia-182-municipios-recebem-premio-escola-nota-dez/. Acesso em: 14 dez. 2019.

BERTAGNA, Regiane H. Mapeamento dos sistemas estaduais de avaliação da educação (2005-2015). In: GARCIA, Teise; ADRIÃO, Theresa (org.). Currículo, gestão e oferta da educação básica brasileira: incidências de atores privados nos sistemas estaduais (2005-2015). Curitiba: CRV, 2018. p. 41-51.

BERTAGNA, Regiane H.; BORGHI, Raquel F. Sistemas de avaliação dos estados no Brasil: avanços do gerencialismo na educação básica. Revista Teias, Rio de Janeiro, v. 19, n. 54, p. 48-62, jul./set. 2018. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/revistateias/article/ view/36248. Acesso em: 2 out. 2020.

BRASIL. Lei n. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 23 dez. 1996.

BRASIL. Decreto n. 6.094, de 24 de abril de 2007. Dispõe sobre a implementação do Plano de Metas Compromisso Todos pela Educação, pela União Federal, em regime de colaboração com Municípios, Distrito Federal e Estados, e a participação das famílias e da comunidade, mediante programas e ações de assistência técnica e financeira, visando a mobilização social pela melhoria da qualidade da educação básica. Brasília, DF: Presidência da República, 2007. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2007/decreto/d6094.htm. Acesso em: 10 out. 2022.

BRASIL. Emenda Constitucional n. 108, de 26 de agosto de 2020. Altera a Constituição Federal para estabelecer critérios de distribuição da cota municipal do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS), para disciplinar a disponibilização de dados contábeis pelos entes federados, para tratar do planejamento na ordem social e para dispor sobre o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb); altera o Ato das Disposições Constitucionais Transitórias; e dá outras providências. Brasília, DF: Presidência da República, 2020. Disponível em: http://www.planalto. gov.br/ccivil_03/constituicao/emendas/emc/emc108.htm. Acesso em: 10 out. 2022.

BRASIL. [Constituição (1988)]. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal, [2022]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao. htm. Acesso em: 10 out. 2022.

CASSETTARI, Nathália. Principais modelos de remuneração por desempenho para professores no Brasil. In: CONGRESSO IBEROAMERICANO DE POLÍTICA E ADMINISTRAÇÃO DA EDUCAÇÃO, 3., 2012, Zaragoza. Anais […]. Zaragoza: Anpae; Feae; FPAE, 2012. p. 1-17. Disponível em: https://anpae.org.br/iberoamericano2012/Trabalhos/NathaliaCassettari_res_int_GT2.pdf. Acesso em: 15 mar. 2020.

CEARÁ. Lei n. 14.023, de 17 de dezembro de 2007. Modifica dispositivos da Lei n. 12.612, de 7 de agosto de 1996, que define critérios para distribuição da parcela de receita do produto e arrecadação do imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre prestações de serviços de transporte interestadual e intermunicipal e de comunicação. Diário Oficial do Estado, Fortaleza, série 2, ano X, n. 239, 19 dez. 2007.

CEARÁ. Lei n. 15.923, de 15 de dezembro de 2015. Institui o Prêmio Escola Nota Dez, destinado a premiar as escolas públicas com melhores resultados de aprendizagem no segundo, quinto e nono anos do ensino fundamental. Assembleia Legislativa do Estado do Ceará. Diário Oficial do Estado, Fortaleza, série 3, n. 111, 15 dez. 2015.

CEARÁ. Lei n. 16.379, de 16 de outubro de 2017. Altera a Lei n. 13.513, de 19 de julho de 2004, que dispõe sobre o processo de escolha e indicação para o cargo de provimento em comissão, de Diretor junto às Escolas da Rede Pública Estadual de Ensino, e dá outras providências. Diário Oficial do Estado, Fortaleza, série 3, ano IX, n. 195, 18 out. 2017. Disponível em: https://belt.al.ce. gov.br/index.php/legislacao-do-ceara/organizacao-tematica/educacao/item/5956-lei-n-16-379-de- 16-10-17-d-o-18-10-17. Acesso em: 14 dez. 2019.

CEARÁ. Secretaria de Educação do Estado do Ceará. Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica do Ceará. Fortaleza: Seduc, 2019. Disponível em: https://www.seduc.ce.gov.br/spaece. Acesso em: 14 dez. 2019.

COSTA, Anderson Gonçalves. A política educacional cearense no (des)compasso da accountability. 2020. 156 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, 2020. Disponível em: http://www.uece.br/ppge/wp-content/uploads/sites/29/2020/05/Disserta%C3%A7%C3%A3o_ANDERSON-GON%C3%87ALVES-COSTA.pdf. Acesso em: 12 jan. 2022.

DUARTE, Alexandre W. B. A construção da política educacional em Pernambuco na gestão de Paulo Câmara (2015-2018). In: OLIVEIRA, Dalila Andrade de; DUARTE, Adriana Maria C.; RODRIGUES, Cibele Maria L. (org.). A política educacional no contexto das desigualdades: uma análise das redes públicas de ensino da região Nordeste. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2019. p. 301-338.

EVANGELISTA, Olinda. Apontamentos para o trabalho com documentos de política educacional. In: ARAÚJO, Ronaldo M. de L.; RODRIGUES, Doriedson S. (org.). A pesquisa em trabalho, educação e políticas educacionais. Campinas, SP: Alínea, 2012.

FREITAS, Dirce Ney. A avaliação da educação básica no Brasil: dimensão normativa, pedagógica e educativa. Campinas, SP: Autores Associados, 2007.

GREK, Sotiria; MAROY, Christian; VERGER, Antoni. World Yearbook of Education 2021: accountability and datafication in the governance of education. Nova York: Routledge and CRC Press, 2021.

LOUREIRO, Andre; HOLANDA, Marcos; BARBOSA, Marcelo; CRUZ, Louisse. Implementando um mecanismo de incentivos para os governos municipais melhorarem os resultados da educação: um guia de implementação inspirado no caso do Ceará. [S. l.]: Banco Mundial, 2020. Disponível em: https:// documents1.worldbank.org/curated/en/354741606111551682/pdf/Implementing-a-Results-Based- Financing-Mechanism-for-Subnational-Governments-to-Improve-Education-Outcomes-An- Implementation-Guide-Inspired-by-the-Case-of-Ceara-Brazil.pdf. Acesso em: 5 maio 2021.

MAROY, Christian; VOISIN, Annelise. As transformações recentes das políticas de accountability na educação: desafios e incidências das ferramentas de ação pública. Educação & Sociedade, Campinas, SP, v. 34, n. 124, p. 881-901, jul./set. 2013. Disponível em: https://www.scielo.br/j/es/a/5d gZbjXWT86KxyJy7Lt5v9r/?lang=pt. Acesso em: 7 abr. 2020.

MOTA, Bruno. Ceará lidera ranking nacional do Ideb 2019. Secretaria da Educação – SEDUC, Fortaleza, 15 set. 2020. Disponível em: https://www.ceara.gov.br/2020/09/15/ceara-lidera-ranking-nacional-do-ideb-2019/. Acesso em: 17 jul. 2021.

NEAVE, Guy. On the cultivation of quality, efficiency and enterprise: an overview of recent trends in higher education in Western Europe, 1986-1988. European Journal of Education, Malden, MA, v. 23, n. 1/2, p. 7-23, 1988.

OLIVEIRA, Dalila Andrade de; CLEMENTINO, Ana Maria. As políticas de responsabilização na educação básica nos estados do Nordeste. In: OLIVEIRA, Dalila Andrade de; DUARTE, Adriana Maria C.; RODRIGUES, Cibele Maria L. (org.). A política educacional em contexto de desigualdade: uma análise das redes públicas de ensino da região Nordeste. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2019. p. 523-562.

OLIVEIRA, Dalila Andrade de; CLEMENTINO, Ana Maria. As políticas de avaliação e responsabilização no Brasil: uma análise da educação básica nos estados da região Nordeste. Revista Iberoamericana de Educación, Madrid, v. 83, p. 143-162, 2020. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=7436641. Acesso em: 10 out. 2022.

OLIVEIRA, Maria Angela A. de. Discursos em circulação sobre políticas de avaliação e accountability na educação básica: estados na Região Nordeste em foco. 2019. 273 f. Tese (Doutorado em Educação) – Centro de Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2019.

PARAÍBA. Assembleia Legislativa. Lei n. 9.879, de 13 de setembro de 2012. Institui, no âmbito do Poder Executivo Estadual, os Prêmios Mestres da Educação e Escola de Valor e dá outras providências. João Pessoa, 2012.

PARAÍBA. Secretaria de Estado da Educação. Portaria n. 368, de 14 de julho de 2015. Institui no âmbito da Secretaria de Estado da Educação o Sistema Próprio de Avaliação da Rede Pública Estadual de Ensino da Paraíba. João Pessoa, 2015.

PARAÍBA. Assembleia Legislativa. Lei n. 10.920, de 21 de junho de 2017. Institui, no âmbito do Poder Executivo Estadual, o Programa de Modernização e Eficiência da Gestão de Aprendizagem na Paraíba. João Pessoa, 2017a.

PARAÍBA. Decreto n. 37.234, de 14 de fevereiro de 2017. Cria o SOMA – Programa Pacto pela Aprendizagem na Paraíba e dá outras providências. João Pessoa, 2017b.

PERBONI, Fabio. Avaliações externas e em larga escala nas redes de educação básica dos estados brasileiros. 2016. 268 f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Presidente Prudente, SP, 2016.

PERBONI, Fabio; MILITÃO, Andréia Nunes; DI GIORGI, Cristiano Amaral Garboggini. Manifestações do “quase-mercado” nas avaliações externas e em larga escala. Educação UFSM, Santa Maria, RS, v. 44, 2019. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/reveducacao/article/ view/34678/pdf. Acesso em: 12 set. 2021.

PERNAMBUCO. Lei n. 14.602, de 21 de março de 2012. Dispõe sobre a divulgação do Ideb nas escolas públicas da rede estadual de ensino. Recife, 2012a. Disponível em: http://legis.alepe.pe.gov.br/ texto.aspx?id=9477. Acesso em: 20 fev. 2020.

PERNAMBUCO. Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco. Construindo a excelência em gestão escolar: curso de aperfeiçoamento: Módulo XII – Políticas de responsabilização educacional. Recife, 2012b.

PERNAMBUCO. Secretaria de Educação e Esportes. Balanço da Educação 2018. Recife, 2019a. Disponível em: http://www.educacao.pe.gov.br/portal/upload/galeria/21557/Balan%C3%A7o%20 2019_vers%C3%A3o%20do%20site.pdf. Acesso em: 20 jun. 2021.

PERNAMBUCO. Secretaria de Educação e Esportes. Governador do Estado sanciona lei que institui Programa Criança Alfabetizada. Secretaria de Educação e Esportes, Recife, 15 jul. 2019b. Disponível em: http://www.educacao.pe.gov.br/portal/?pag=1&cat=3&art=4988. Acesso em: 20 jun. 2021.

PINHO, Angela. Após êxito no Ceará, “imposto da educação” é adotado em 8 estados. Folha de S. Paulo, São Paulo, 18 jul. 2021. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/ educacao/2021/07/apos-exito-no-ceara-imposto-da-educacao-e-adotado-em-8-estados.shtml?utm_ source=whatsapp&utm_medium=social&utm_campaign=compwa&origin=uol. Acesso em: 18 jul. 2021.

RICHTER, Leonice M.; SOUZA, Vilma Aparecida; SILVA, Maria V. A dimensão meritocrática dos testes estandardizados e a responsabilização unilateral dos docentes. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, v. 31, n. 3, p. 607-625, set./dez. 2015. Disponível em: https://seer.ufrgs. br/rbpae/article/view/60198. Acesso em: 20 abr. 2021.

SANTOS, Ana Lúcia Felix dos; OLIVEIRA, Maria Angela Alves de. A análise de discurso e a pesquisa em política educacional: a interdiscursividade da avaliação e accountability na educação básica em estados da Região Nordeste. Cenas Educacionais, Caetité, BA, v. 4, p. 1-37, 2021. Disponível em: https://www.revistas.uneb.br/index.php/cenaseducacionais/article/ view/11340/8000. Acesso em: 20 ago. 2021.

SANTOS, Laurecy Dias dos. A política de bonificação/premiação e a gestão escolar: um estudo sobre Pernambuco e Paraíba. 2019. 257 f. Tese (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Recife, 2019. Disponível em: https://repositorio.ufpe.br/ bitstream/123456789/35260/1/TESE%20Laurecy%20Dias%20dos%20Santos.pdf. Acesso em: 14 set. 2021.

SILVA, Emanoel Lourenço da; ARAGÃO, Wilson Aragão. A “Gestão para Resultados” como configuração de um estado avaliador e reformista. In: CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO, 6., 2019, Fortaleza. Anais [...]. Fortaleza: Conedu, 2019. Disponível em: https://editorarealize.com.br/ editora/ebooks/conedu/2019/ebook1/PROPOSTA_EV127_MD4_ID4767_01082019162448.pdf. Acesso em: 10 out. 2021.

SILVA, Prociana F. da; BRENNAND, Edna G. de G. Políticas de accountability na gestão educacional do estado de Pernambuco – Brasil. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, v. 34, n. 1, p. 233-251, jan./abr. 2018. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/rbpae/article/view/75088. Acesso em: 12 dez. 2019.

TODOS PELA EDUCAÇÃO. Educação já: contribuições para a construção de uma agenda sistêmica na educação básica brasileira. São Paulo, abr. 2022. v. 2. Disponível em: https://todospelaeducacao. org.br/wordpress/wp-content/uploads/2022/04/educacaoja2022-abril02-todospelaeducacao. pdf?utm_source=download&utm_id=documento. Acesso em: 5 dez. 2022.

VALDEVINO, Felippe G. Políticas de accountability como estratégia para a consolidação do gerencialismo na educação pública cearense (2007-2014). 2018. 127 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande, PB, 2018.

VERGER, Antoni; FONTDEVILA, Clara; PARCERISA, Lluís. Reformando a governança através de instrumentos de políticas públicas: como e em que medida padrões, testes e accountability na educação se espalham no mundo. In: OLIVEIRA, Dalila Andrade de; DUARTE, Adriana Maria C.; RODRIGUES, Cibele L. (org.). A política educacional em contexto de desigualdade. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2019. p. 15-58.

VIEIRA, Sofia Lerche; PLANK, David Nathan; VIDAL, Eloisa Maia. Política educacional no Ceará: processos estratégicos. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 44, n. 4, e87353, 2019. Disponível em: https://www.scielo.br/j/edreal/a/D73SdzLLSCT68PKFFGGF6vK/?lang=pt. Acesso em: 15 dez. 2021.

WERLE, Flávia O. Corrêa. Panorama das políticas públicas na educação brasileira: uma análise das avaliações externas de sistemas de ensino. Revista Lusófona de Educação, Lisboa, n. 27, p. 159-179, set. 2014. Disponível em: https://scielo.pt/pdf/rle/n27/n27a11.pdf. Acesso em: 10 abr. 2021.

Downloads

Publicado

21-12-2022

Como Citar

FERREIRA DA SILVA, A.; LEANDRO DA SILVA, L.; DOS SANTOS FREIRE, A. M. Políticas de accountability na educação estadual do Ceará, Pernambuco e Paraíba. Estudos em Avaliação Educacional, São Paulo, v. 33, p. e09562, 2022. DOI: 10.18222/eae.v33.9562. Disponível em: https://publicacoes.fcc.org.br/eae/article/view/9562. Acesso em: 9 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos