Justificativas para a formação profissional do deficiente mental: revisão da literatura brasileira especializada.

Antonio Celso Goyo, Eduardo Manzini, Margarida B. de Carvalho, Mary Frances Balthazar, Therezinha G. Miranda

Resumo


Uma revisão da literatura brasileira especializada permite identificar justificativas e motivações para a formação profissional do deficiente mental. Grande parte do discurso destina-se à persuasão de agentes públicos e privados, apontando benefícios de ordem econômica e social decorrentes da profissionalização do deficiente; raras vezes a literatura se volta para os próprios portadores de deficiência e para os benefícios reais que lhes adviriam de tal formação.

Palavras-chave


Formação Profissional; Deficiente Mental

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.