[1]
C. Barroso, “Estereótipos sexuais: possíveis contribuições da psicologia para sua mudança”, Cad. Pesq., nº 15, p. 135–137, set. 2013.