Famílias e alunos de origem africana no Maranhão do século XIX.

Mariléia Santos Cruz

Resumo


O presente artigo demonstra a existência de famílias negras e a presença de crianças oriundas destas famílias em escolas públicas do Maranhão, durante o século XIX. A partir de uma metodologia indiciária, foram consultados anúncios de jornais maranhenses do século XIX, códices referentes aos registros de batismo, casamento e documentação da Secretaria do Governo, localizados no Arquivo Público do Estado do Maranhão e Biblioteca Pública Benedito Leite.

Palavras-chave


Negros; Famílias; Escolas; Maranhão Provincial

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.