Prioridade ao ensino básico e pauperização docente.

Vanilda Paiva, Célia Junqueira, Leonardo Muls

Resumo


Estudo realizado sobre os salários dos docentes da rede municipal do Rio de Janeiro no período de 1979 a maio de 1996 e entrevistas feitas com professores, alunos e pais em escolas da rede pública desse município demonstra a forte contradição entre o discurso em favor da educação, com destaque para o ensino básico, e o empobrecimento dos professores de 1o. grau, com efeitos sobre as possibilidades de o professor atuar como figura de identificação, facilitando a aprendizagem. A reconstituição da remuneração mensal desses docentes permite constatar uma perda salarial mais severa entre os professores com maior nível de escolaridade e maior experiência quando comparamos aos docentes em início de carreira. A dramaticidade da situação, contudo, só pode ser percebida no cotidiano das escolas, como explicitam as citações do final do artigo.

Palavras-chave


Professores; Política Salarial; Pauperização; Ensino Fundamental

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.