Os cursos programados individualizados (CPIs): recurso ou solução?

Elba Siqueira de Sá Barretto, Sônia Maria Carvalho de Menezes

Resumo


Os cursos Programados Individualizados (CPIs) apresentam-se como uma das estratégias de ensino que procuram oferecer uma resposta aos problemas relativos à escassez de recursos materiais e humanos que caracterizam o sistema educacional brasileiro, particularmente nos níveis médio e superior. Este trabalho consiste numa descrição das características dos CPIs e numa análise crítica dos seus pressupostos teóricos e procedimentos adotados. Ao situar os CPIs dentro de uma perspectiva mais ampla, essa análise permite ao leitor um balanço das vantagens e limitações destes cursos. Foram feitas ainda algumas considerações relativas à sua aplicação no contexto educacional brasileiro.

Palavras-chave


Inovação pedagógica; Sistema de educação

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.