Origem social, escolaridade e ocupação.

Aparecida Joly Gouveia

Resumo


Com base em dados da PNAD-1973 investiga-se a relação entre origem social, educação e ocupação comparando-se trabalhadores masculinos e femininos de São Paulo e do Nordeste. Embora os níveis de escolaridade de São Paulo sejam mais elevados, desigualdades educacionais associadas à origem social verificam-se tanto aí como no Nordeste. Conforme era de esperar, numa como noutra região, a posição ocupacional depende do nível educacional do trabalhador; entretanto, o "efeito" da escolaridade depende da origem social. Ser mulher não constitui uma desvantagem para a obtenção de escolaridade mas com o mesmo nível de escolaridade as mulheres tendem a colocar-se em ocupações inferiores às dos homens.

Palavras-chave


Meio social; Escolarização; Ocupação; Região Nordeste; São Paulo

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Financiadores: