O ensino supletivo de 2º grau.

Sérgio Haddad, Maria Clara Di Pierro Siqueira, Maria Virgínia de Freitas

Resumo


O Ensino Supletivo de 2º grau é analisado a partir dos resultados de estudos e pesquisas elaborados desde 1971, quando da promulgação da Lei Federal 5692 que o implantou. Parte de um projeto mais amplo de avaliação dos programas de educação de adultos pós-1970, este artigo procura descrever as principais características do Ensino Supletivo de 2º grau e apontar soluções para a educação de jovens e adultos trabalhadores que não tiveram oportunidade de realizá-la na época adequada.

Palavras-chave


Ensino supletivo; Educação de adultos; Suplência; Rendimento escolar; Trabalho; Criança

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.