Fato e mito: descobrindo um problema racial no Brasil.

Autores

  • Thomas E. Skidmore

Palavras-chave:

Relações Raciais, Discriminação Racial, Revisão de Literatura, Tendências de Pesquisa

Resumo

No país que recebeu a maior população escrava das Américas, o mito da democracia racial persiste e, com ele, o descanso oficial e o desinteresse de grande parte da produção intelectual pelo estudo das relações raciais. Este artigo examina, a partir da inexistência de dados quantitativos sobre a cor da população brasileira durante mais de 50 anos pós-abolição, o debate sobre raça e a baixa repercussão das vozes que se insurgiram contra as teses assimilacionistas e a ideologia do branqueamento, ao longo do século atual. A partir de 1976 (quando quesitos sobre raça foram finalmente incluídos na PNAD), o fato novo da evidência documentada de discriminação racial não produziu impacto significativo na elite, nos políticos ou na comunidade acadêmica - embora já existam marcos e fontes bibliográficas para a pesquisa, aqui arrolados. Militantes e acadêmicos são, então, conclamados a agir para eliminar o racismo, obstáculo à verdadeira democratização de nossa sociedade multi-racial

Biografia do Autor

Thomas E. Skidmore

Downloads

Publicado

30-07-2013

Edição

Seção

Artigos